22.8 C
Rio de Janeiro
terça-feira, maio 21, 2024
CasaEditoriasEsporteBrasil é bicampeão no revezamento misto do triatlo no Pan de Santiago

Brasil é bicampeão no revezamento misto do triatlo no Pan de Santiago

Data:

Notícias relacionadas

spot_imgspot_img

O triatlo brasileiro é bicampeão no revezamento misto nos Jogos Pan-Americanos de Santiago (Chile). Neste sábado (4), na cidade de Vina Del Mar, o quarteto formado por Miguel Hidalgo, Djenyfer Arnold, Manoel Messias e Vittoria Lopes cruzou em primeiro lugar a linha de chegada, com o tempo de 1h15min08, deixando para trás as equipes norte-americana, com a medalha de prata (1h15min26), e a candadense com o bronze (1h15min36). 

Com a conquista do segundo ouro na modalidade nesta edição do Pan  – o primeiro foi com o paulista Hidalgo, na prova masculina – o país somou pontos preciosos no ranking mundial, que serve de parâmetro na busca por vaga olímpica em Paris 2024. O Brasil é o vice-líder no quadro de medalhas, com 180, atrás dos Estados Unidos (253). O México (125) ocupa a terceira posição.

O primeiro a competir foi Hidalgo. Embora não tenha ido bem na natação – chegou em último lugar – se recuperou no ciclismo, encerrando na terceira posição. Em seguida, foi a vez da catarinense Djenyfer Arnold, que manteve  o Brasil em terceiro. Na metade final da prova, dois cearenses fizeram a diferença. O primeiro foi Manoel Messias que foi bem três modalidades e diminuiu a desvantagem para os adversários. Na sequência, foi Vittoria Lopes que de cara assumiu a primeira posição na disputa, com uma prova perfeita na natação, e depois ainda aumentou a vantagem do quarteto brasileiro no ciclismo e na corrida. 

 O Brasil estreou no topo do pódio pan-americano do revezamento misto de triatlo na última edição: Lima (Peru), em 2019.

— Colaboração de: AGENCIA BRASIL —

Comentários

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Últimas notícias

spot_img