26 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, maio 22, 2024
CasaEditoriasEsportePan: invicto, Brasil bate Cuba e vai às semifinais do vôlei masculino

Pan: invicto, Brasil bate Cuba e vai às semifinais do vôlei masculino

Data:

Notícias relacionadas

spot_imgspot_img

A seleção brasileira masculina de vôlei avançou direto às semifinais dos Jogos Pan-Americanos de Santiago (Chile), sem precisar passar pelas quartas, ao cravar a terceira vitória seguida na competição. Nesta quarta-feira (1º), o Brasil levou a melhor sobre Cuba, com triunfo no tie-break por 3 sets a 2 (25/23, 25/16, 18/25, 25/27 e 18/16).

Invicto no Pan, o país encerrou a fase de grupos na liderança da chave A e, pelo regulamento, não precisa disputar as quartas de final. Os brasileiros voltam a competir às 20h30 (horário de Brasília) de sexta (3). O adversário será definido nos confrontos de quartas nesta quinta (2). O Pan de Santiago tem transmissão ao vivo no site do Canal Olímpico do Brasil.

TEM BRASIL NA SEMIFINAL 🇧🇷🏐

A seleção masculina vence Cuba e avança à semifinal do @volei nos Jogos Pan-Americanos!

🇧🇷 3 x 2 🇨🇺
(25/23, 25/16, 18/25, 25/27 e 18/16)

ELES JOGAM, ELES VENCEM 💪 pic.twitter.com/t3jKlKmK42

— Time Brasil (@timebrasil) November 1, 2023

O oposto Darlan foi o principal destaques da partida ao anotar sozinho 29 pontos, maior total registrado do lado brasileiro. O atleta, que vem sobressaindo na equipe deste o Pré-Olímpico no mês passado, foi decisivo no tie-break, ao virar duas bolas que resultaram em dois match-points para o Brasil.

“Sabíamos que ia ser um jogo difícil. Brasil x Cuba é isso, os jogadores deles são bastante experientes. Mas o importante foi que não deixamos cair o ânimo, não deixamos de acreditar, esse grupo não desiste em momento nenhum. No final, no tie-break, você olhava um pro outro e estava todo mundo com sangue nos olhos, acreditando, e isso ajuda muito no astral do time”, analisou Darlan, em depoimento ao site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

Nesta quarta (1º) a seleção, comandada pelo técnico Giuliano Ribas começou em quadra com Brasília, Darlan, Adriano, Honorato, Otávio, Judson e Maique (líbero). Durante o jogo também entraram Thiaguinho, Felipe Roque, Lukas Bergmann e Maicon.

“A gente sabia que tinha que estar preparado para um jogo longo, porque contra Cuba eles têm essa virtude do saque e arriscariam o tempo todo, e quando entrasse a partida teria variações. Então a gente tinha que ter a cabeça no lugar. Os meninos foram muito resilientes, se ajudaram muito dentro da quadra, mesmo nas situações de saques pesados. A gente não se abalou porque jogou junto o tempo todo hoje, o que foi uma virtude do time hoje”, elogiou o treinador. 

Além de Brasil e Cuba, o grupo A tem Colômbia e México. No chave B estão Porto Rico, República Dominicana, Chile e Argentina. O Brasil estreou no Pan com vitória sobre a Colômbia e depois superou o México, ambos os jogos por 3 sets a 0. Confira aqui a programação do vôlei no Pan de Santiago.

— Colaboração de: AGENCIA BRASIL —

Comentários

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Últimas notícias

spot_img