27.2 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, março 4, 2024
CasaRegião MetropolitanaBaixadaCapacitação sobre Prevenção ao Feminicídio

Capacitação sobre Prevenção ao Feminicídio

Data:

Notícias relacionadas

Instituto que ajuda pacientes de câncer sofre com alagamento

O grande temporal que assolou a baixada fluminense alagou...

Plano de Segurança da Prefeitura de Nilópolis para o Carnaval Solidário é um sucesso

Única cidade entre os treze municípios da Baixada Fluminense...

Nilópolis inicia ano letivo de 2024

O ano letivo de 2024 iniciou nesta segunda-feira (19/2)....
spot_imgspot_img

Equipe da Guarda Municipal assiste palestra sobre o tema em sua sede

Uma equipe da Guarda Municipal da Secretaria Municipal de Segurança de Nilópolis participou da Capacitação sobre Prevenção ao Feminicídio, na manhã desta sexta-feira, 3 de fevereiro, na sede da guarda, no Centro do município.

 

O comissário da Polícia Civil, Cleber Matos,foi o palestrante. Eles estão se qualificando para o início dos trabalhos da Patrulha Maria da Penha na cidade, que começa na próxima terça-feira.

Coach formado pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC) em convênio com a Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, Cleber Matos é graduado em filosofia, direito, especializado em direito e processo penal, além de outras qualificações. Ele atendeu a um convite do secretário de Segurança Pública, Esmar França, e do coordenador de Operações da Guarda Municipal, Celso Theodoro.

“Os participantes eram agentes da Patrulha Maria da Penha, da Ronda Escolar e do Policiamento Preventivo. A Patrulha já vai começar a atuar em parceria com a Casa da Mulher Nilopolitana, onde ficará baseada e, a partir de demandas recebidas pela Casa, ira atender as solicitações”, explicou

 

Celso Theodoro, acrescentando que a próxima etapa será uma capacitação sobre preservação de local de crime específica para a equipe da Patrulha.

“Essa é a segunda vez que venho a Nilópolis para dar curso de qualificação. Uso ferramentas da Programação Neurolinguística (PNL) e Coaching Ericksoniano, que usa fundamentos da hipnoterapia”, explicou Cleber Matos, que faz agora faculdade de psicologia. “Eles viveram uma experiência não só como agentes, mas também como pessoas que necessitam de um relacionamento humano”, salientou.

Coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Eliza Porfírio, 52 anos, participou ativamente da reunião e respondia aos questionamentos de Matos. ” Temos sempre que seguir os protocolos. Informar no grupo do WhatsApp e depois no livro de ocorrências. Esse é o Procedimento Operacional Padrão (POP)”, retrucou ela a uma pergunta do coach. Eliza mora em Nilópolis e integra a Guarda há 20 anos.

“A palestra foi muito boa, espero que ele retorne. Em 20 anos de Guarda Municipal, nunca participei de uma capacitação em que me sentisse tão à vontade”, afirmou Carlos da Silva Oliveira, que está na instituição desde 2002.”

A mensagem dessa palestra é que não devemos nos preocupar em ter, mas em ser. Precisamos ter sempre um sentimento de humanidade”, salientou Da Silva Oliveira, que é lotado no Posto Central.
Integrante da Guarda Municipal de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, Francisco Dias, 64 anos, participou da capacitação à convite do coordenador da GM de Nilópolis, Celso Theodoro. ” O grande aprendizado é que devemos nos comprometer com o que fazemos. Todos somos importantes na execução do nosso trabalho”, observou Dias, que declamou um poema de Vinícius de Moraes respondendo a uma pergunta do palestrante que citava o livro O Pequeno Príncipe, de Saint-Exupéry.

Comentários

Cristiane Braga
Cristiane Braga
Coordenadora da Redação do Portal RJ4,Jornalista ,Produtora de Eventos,Tv e Rádio, Cris é uma carioca apaixonada pela profissão e pelo Carnaval. Atua no setor desde 1994, quando tinha apenas 15 anos e descobriu sua vocação. Formada desde 2001 pela UGF como Bacharel em Comunicação Social. Além dos afazeres jornalísticos, ela é Manager da Cris Mattos Assessoria de Comunicação

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Últimas notícias

spot_img