22 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, julho 12, 2024
CasaEditoriasMeio ambientePreservação Ambiental: Ricardo Abrão acompanha o plantio de mais de 60 mil...

Preservação Ambiental: Ricardo Abrão acompanha o plantio de mais de 60 mil mudas nativas

Data:

Notícias relacionadas

Assistência Social de Nilópolis alerta sobre golpes contra beneficiários do Bolsa Família 

A Secretária de Desenvolvimento Social (SEMDES) de Nilópolis, Everline...

Mais uma praça pública é revitalizada em Nilópolis

A Praça José Fernandes no bairro do Cabral, foi...

Nilópolis dobra número de veículos e contingente do Proeis

Trabalhar em prol da segurança é uma das metas...

Nilópolis participa de lançamento do projeto Pró-Águas Rio na Casa G20

Na última semana, Nilópolis foi um dos 47 municípios...
spot_imgspot_img

Mais de 30mil mudas de árvores nativas já foram plantadas no Parque Natural do Gericinó Prefeito Farid Abrão, em Nilópolis, na baixada fluminense. Segundo o secretário de meio ambiente, Dean Senra, a meta é chegar a mais de 60mil mudas. Na última quarta-feira(30), o prefeito Abraão David (PL) e o primeiro suplente de deputado federal Ricardo Abrão (União Brasil) visitaram o parque natural para acompanhar de perto o desenvolvimento do projeto, acompanhados do secretário Dean e do engenheiro agrônomo Tiago Andrade, responsável pelo plantio no parque.

Ricardo Abrão – Foto: Wilson Soares

O Programa Florestas do Amanhã é uma inicitiva da Secretaria do Ambiente e Sustentabilidade, que em  parceria com o Instituto de Desenvolvimento e Gestão (IDG), vai reflorestar 1,1 mil hectares de Mata Atlântica com o plantio de 2,5 milhões mudas de espécies endêmicas do bioma, em 29 unidades de conservação e em outras áreas prioritárias espalhadas pelo território fluminense. Com a ação, o Rio de Janeiro se torna o primeiro estado do Brasil a cumprir o Acordo de Paris, tratado mundial que tem o objetivo de reduzir o aquecimento global.

Além da restauração de parte da Mata Atlântica, um dos biomas mais ricos em diversidade do mundo e o segundo mais ameaçado de extinção, a iniciativa tem um grande impacto na economia do estado ao gerar empregos. Apenas na primeira fase do projeto, serão criadas até 1,6 mil vagas.

–  Sabemos da importância desse plantio de mudas nativas para o meio ambiente. Estaremos sempre buscando parcerias e recursos para investirmos ainda mais em projetos como esse, voltado para o meio ambiente – disse Ricardo Abrão.

A manutenção das espécies plantadas será feita até janeiro de 2027. A previsão para finalização da implantação das mudas é fevereiro de 2023.

Fonte: Sec. Meio Ambiente de Nilópolis

 

 

Comentários

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Últimas notícias

spot_img