32 C
Rio de Janeiro
quinta-feira, fevereiro 22, 2024
CasaColunas:Eleições 2022

Eleições 2022

Publicado em:

spot_imgspot_img
Estamos bem próximos das eleições, Outubro é logo ali, elegeremos o presidente, os governadores, os senadores e os deputados federais e os estaduais, num tempo como este, aproveito para relembrar uma máxima que ouvia direto na minha adolescência: texto sem contexto é pretexto para heresia.
Peço encarecidamente que vocês troquem a palavra heresia pela expressão fake news.
Sim, é exatamente isso que estou dizendo, o que nos for dito ou o que formos dizer, deve sim ter um contexto, ter uma boa base, a velha fundamentação, do contrário não vai passar de retórica simplista com a clara intenção de manipular as consciências. Está posto e é claro que todos temos o direito de manifestar os nossos pensamentos, às nossas ideias, não estou aqui propondo uma lei da mordaça ou um voto de silêncio, sou totalmente favorável a liberdade de expressão, a única questão que levanto é a da importância de se estar atento as notícias, as informações e conteúdos que recebemos e transmitimos, até porque não somos e não podemos deixar que nos tratem como páginas em branco, prontas para serem preenchidas de acordo com o Bel-prazer de qualquer um.
Tenho a minha predileção política, você tem a sua, mas as nossas predileções não podem e não devem nos fazer esquecer da ética, sim, digo e repito para todos: o limite de tudo tem que ser a ética. Não se trata do que eu gosto ou deixo de gostar, a questão é o que é justo ou deixa de ser.
Eu sei e você também sabe que às eleições de 2022 serão bem quentes, lamentavelmente teremos, ou melhor, já temos uma radicalização que beira a insanidade e se desdobra na violência, exatamente porque querem ter razão, sem fazer o bom uso da razão, parece que estamos em um acelerado processo de involução e é por isso que cada vez mais se faz necessário o alerta: usem a vossa capacidade reflexiva, analisem, não apenas reproduzam, não sejamos massa de manobra ou mão de obra do caos.
Não, não estou dizendo que não devemos nos posicionar, se você leu e não entendeu que defendo a liberdade de expressão, peço que releia o texto novamente, se não quiser, direito seu, mas que fique muito claro que o meu direito de me posicionar, não anula o direito do outro de se posicionar em contradição a mim, o jogar dentro das quatro linhas da Constituição Federal passa exatamente pelo respeito ao pluralismo político que é fundamento da República Federativa do Brasil.
Seja firme, seja contundente, só não seja desumano e muito menos antiético, faça um excelente uso da sua liberdade, manifeste a todos os seus pensamentos, mas não se esqueça que a liberdade de dizer não exime ninguém da responsabilidade de responder civil e penalmente pelo que disse, principalmente se a fala tiver gerado ou tiver potencial para gerar consequências nefastas.

Comentários

Professor Marcelo Teixeira
Professor Marcelo Teixeira
Filho do Deja e da Ceiça, pai do Leon Micael, aglutinador de palavras e um cara que tenta ser cristão.

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Veja mais nas colunas

spot_img