22 C
Rio de Janeiro
sábado, junho 15, 2024
CasaEsporteOlimpiadasAos 13 anos, 'Fadinha' agradece à história do skate antes de estreia...

Aos 13 anos, ‘Fadinha’ agradece à história do skate antes de estreia em Tóquio

Data:

Notícias relacionadas

Estudantes brasileiros disputam Olimpíada de Astronomia e Astronáutica no Panamá

Cinco estudantes estão representando a equipe brasileira durante a...

Equipe Brasileira de Tênis em Cadeira de Rodas é destaque em Tóquio

O tênis em cadeira de rodas do Brasil contará com...

Brasil encerra Olimpíada com seu melhor desempenho de todos os tempos

A campanha brasileira na Olimpíada de Tóquio terminou com...

Olimpíada: cerimônia põe fim aos Jogos “mais difíceis da história”

A cerimônia de encerramento da Olimpíada de Tóquio (Japão),...
spot_imgspot_img

Rayssa Leal, ao lado de Pâmela Rosa e Letícia Bufoni, é favorita a levar medalha no skate; competição começa na noite deste sábado

Pouco antes de estrear nas Olimpíadas de  Tóquio, Rayssa Leal, conhecido como Fadinha do Skate, usou as redes sociais neste domingo (25/7) para lembrar as pessoas que vieram antes dela na modalidade. “Se eu estou aqui, junto com outros 11 atletas,  é por causa de todos os skatistas ‘das atigas’ que fizeram o nosso esporte chegar aqui. Se uma menina de 13 anos vai representar o Brasil hoje é por causa de mulheres skatistas que me inspiram, que me mostram que uma garota pode tudo”, escreveu.

Aos 13 anos, Rayssa é a integrante mais jovem do Time Brasil nos Jogos Olímpicos e é uma das favoritas no Skate Street, modalidade estreante em Olimpíadas e que será disputada neste domingo a partir das 20h30 (horário de Brasília). “Hoje eu vou dar o meu melhor para representar o skate brasileiro para honrar toda a nossa história”, disse a menina de Imperatriz, no Maranhão.

O skate já garantiu a primeira medalha para o Brasil. Na madrugada deste domingo (25/7), o paulista Kelvin Hoefler ganhou a medalha de prata na competição masculina. O brasiliense Felipe Gustavo não conseguiu se classificar para a final, mas entrou para a história dos jogos como o primeiro skatista a competir em uma Olimpíada.

O Brasil tem mais chances de medalhas na modalidade feminina. Além de Rayssa, o brasil conta com Pâmela Rosa e Letícia Bufoni. As três atletas estão entre as melhores do mundo.

Comentários

Renan Xavier
Renan Xavier
Jornalista, Colunista deste portal, produtor de Rádio e TV e produtor e coordenador de produções na Real Mídia Produtora. Apresentador no Sistema Real de Rádios: Rádio Play, Rádio Mirandela Fm, Rádio Preferida FM, e outras rádio filiais, afiliadas e parceiras na rede. Técnico em TI, audio/ som e sites.

Inscreva-se

- Nunca perca uma notícia com notificações ativas

Últimas notícias

spot_img